MATÉRIAS/REVIEWS
 
  
 
15/12/2010
REVIEW - DVD: PLANETA HULK
 
 
Planeta Hulk
 
 
 
 
 
 
 
 


A Marvel Comics vem lançando diversos longas-metragens animados nos últimos anos, porém sem fazer muito barulho, onde até mesmo a divulgação é discreta. Ao contrário da DC Comics, a Marvel demorou a fazer adaptações de histórias famosas. Uma dessas é Planeta Hulk (Planet Hulk), com direção de Sam Liu e roteiro da trinca Greg Johnson, Craig Kyle e Joshua Fine.

Assim como a HQ original, Planeta Hulk mostra o monstro verde sendo enviado ao espaço por um grupo dos mais influentes heróis da Terra. Eles acreditam que o único jeito de garantir a segurança da Terra de maneira não violenta é enviar o Hulk para um mundo pacífico, sem formas de vida inteligentes. Porém, a nave que leva o Hulk acaba em outro planeta, Sakaar, e as coisas ficam feias para o Golias Verde.

Já nesta breve introdução vemos alguns problemas que as animações da Marvel sofrem continuadamente. Alguns personagens não têm os direitos liberados (embora vez por outra apareçam em outras animações, sem enfrentar os mesmos problemas). Assim, o androide simulando Nick Fury, que atrai o Hulk para a armadilha nas HQs, não aparece, aliás, nem é mostrado como Hulk foi parar na nave. Os heróis que planejaram o exílio do Hulk também são afetados por isso: Homem de Ferro e Dr. Estranho, que já tiveram seus longas animados próprios, aparecem normalmente, mas Raio Negro e Sr. Fantástico ficam o tempo todo nas sombras. Já em Sakaar, mais mudanças: a Ninhada (normalmente ligada aos X-Men) não dá as caras, e o Surfista Prateado é substituído por Bill Raio Beta.

Voltando à trama: em Sakaar, o Hulk se torna um gladiador, logo aprendendo que o planeta é governado pelo Rei Vermelho. Nas arenas ele conhece alguns aliados: Hiroim, o rochoso Korg, a rebelde Elloe Kaifi e o insectoide Miek. Juntos, eles lutam não só para sobreviver, mas também para conquistar sua liberdade.

A luta ganha novas dimensões quando o povo começa a admirar o Hulk, ligando-o à antiga profecia de um salvador que traria a vida de volta a Sakaar. Com o apoio do povo e as mentiras do Rei Vermelho se revelando, até mesmo Caiera, principal guerreira do ditador, começa a simpatizar com o Hulk.

Com cenas de ação até interessantes, a animação ainda assim é bem fraca. Os traços são simples e repetitivos, faltando dinâmica nos movimentos. A trama não é bem aproveitada e tudo acontece rápido demais. A atitude egoísta do Hulk nunca é deixada de lado e, no fim das contas, fica sem sentido algum sua transformação em herói de Sakaar, já que a amizade com seus colegas gladiadores e seu amor por Caiera nunca são desenvolvidos. Ou seja, o aprofundamento do roteiro foi quase zero.

Leitores dos quadrinhos gostarão de procurar alguns rostos conhecidos entre o público da arena, incluindo Gamora, Adam Warlock, Senhor das Estrelas, Pip, o Grande Mestre e até um skrull.

Planeta Hulk consegue divertir, mas peca por escolher uma história do Hulk que marcou época nos anos recentes nas HQs, apenas para subaproveitá-la. Com certeza decepcionará bastante a quem leu os quadrinhos. Mas para quem não leu será apenas uma história mal conduzida.

Vozes originais: Rick D. Wasserman, Lisa Ann Beley, Mark Hildreth, Liam O´Brien, Kevin Michael Richardson, Sam Vincent, Advah Soudack, Michael Kopsa, Paul Dobson, Marc Worden. Roteiro:  Greg Johnson, Craig Kyle e Joshua Fin. Direção: Sam Liu.

Veja também:
- Galeria de Imagens
- Notas de Produção

  facebook


 


 

Seções
HQ Maniacs
Redes Sociais
HQ Maniacs - Todas as marcas e denominações comerciais apresentadas neste site são registradas e/ou de propriedade de seus respectivos titulares e estão sendo usadas somente para divulgação. :: HQ Maniacs - fundado em 19.08.2001 :: Brasil