HQ NO BRASIL
 
  
 
29/08/2007

Yellow Kid e Little Nemo em novas coleções

A editora norte-americana Checker Book Publishing, depois de publicar Flash Gordon e Steve Canyon, continua sua empreitada na produção de novas edições de histórias em quadrinhos clássicas. E desta vez, as escolhidas são duas consideradas das mais importantes no surgimento dos quadrinhos como forma de arte: Little Nemo in Slumberland, cujo primeiro volume já se encontra à venda e, em breve, The Yellow Kid.

Mark Thompson, proprietário da Checker, afirmou que estas histórias, principalmente The Yellow Kid, sempre estiveram em seus planos; mas outros materiais, já lançados pela editora, se tornaram disponíveis primeiro, e o pequeno porte da editora ainda não permite diversos lançamentos simultâneos. Thompson reforçou ainda os motivos que o fizeram considerar estas publicações.

“Estas são séries seminais, e há muito tem sido o objetivo da companhia trazer este tipo de material de volta às prateleiras”, disse. “Primeiro, porque é bom para nossa imagem; segundo, a indústria dos quadrinhos, para ser levada a sério como expressão artística, precisa ter disponíveis os trabalhos expoentes de seus primórdios. Por exemplo, se você for a uma livraria, irá encontrar William Shakespeare, se for a uma locadora encontrará Casablanca. Vejo The Yellow Kid e Little Nemo como um material neste nível de importância.”

Apesar disso, a iniciativa não é nova, visto que existem diversas publicações, de diversas editoras, contendo algumas das histórias destes célebres personagens (Little Nemo, por exemplo, é publicado por cerca de seis editoras, no momento). A diferença, segundo Thompson, será o fato de esta ser a mais completa coleção de ambos. “Foi um choque descobrir que ninguém havia completado as coleções, apesar dos livros terem muitos méritos. E voltando ao que já disse, sem querer soar clichê, é realmente importante sabermos de onde viemos para saber para onde vamos.”

As obras terão todas acabamento de luxo. O primeiro volume de Little Nemo cobre o período entre 1905-1909, e também inclui as tiras Tales of the Jungle Imps. Incrivelmente raras, elas foram escritas pelo autor de Nemo, Winsor McCay, em 1903 para o jornal Cincinnati Enquirer, antes de sua mudança para Nova York; nela, estão alguns dos personagens precursores de sua maior obra. Sobre o primeiro livro de The Yellow Kid, ainda não foram revelados maiores detalhes, apenas que os cartoons serão acompanhados por editoriais, frutos de elaborada pesquisa, que elucidam alguns aspectos históricos das histórias, visto que elas contêm forte crítica política e social do final do século XIX.

Little Nemo in Slumberland foi publicada no jornal The New York Herald de 1905 a 1911, e então no New York American até 1913. Foi criada pelo cartunista Winsor McCay, que retomou à série brevemente em 1924, para encerrá-la definitivamente em 1927. A história apresentava o garotinho Nemo, que em seus sonhos vivia fantásticas aventuras, sempre encerradas quando ele era acordado de maneira abrupta. As belas e complexas ilustrações de McCay (também realizador de Gertie the Dinosaur, uma das primeiras animações produzidas) são tidas como pioneiras na exploração de diversos aspectos da narrativa gráfica que viriam a se tornar recorrentes na nona arte.

The Yellow Kid é considerada não apenas a primeira tira em quadrinhos dos Estados Unidos e uma das primeiras do mundo, mas também a precursora no uso de “balões” para o texto. Foi criada por Richard Felton (R.F.) Outcault e publicada pela primeira vez em 1894, na revista Truth, para logo em 1895 mudar-se para o jornal New York World. Foi encerrada em 1898. Ficou conhecida por suas ácidas observações sobre a sociedade norte-americana da época, principalmente a da cidade de Nova York.


Clique aqui pra discutir o assunto em nosso fórum.


  facebook

 

 



A capa de Little Nemo in Slumberland Volume 1
 
Uma das páginas de McCay pra Little Nemo
 
Capa de The Yellow Kid Volume 1


 

Seções
HQ Maniacs
Redes Sociais
HQ Maniacs - Todas as marcas e denominações comerciais apresentadas neste site são registradas e/ou de propriedade de seus respectivos titulares e estão sendo usadas somente para divulgação. :: HQ Maniacs - fundado em 19.08.2001 :: Brasil