HQ NO BRASIL
 
  
 
28/07/2008

SDCC: mais novidades da Marvel Comics

Atenção! Esta notícia contém spoilers de histórias ainda não publicadas no Brasil.

Confira a seguir as novidades da Marvel Comics reveladas durante a San Diego Comic Con, este final de semana nos EUA.

Garth Ennis de volta ao Justiceiro

Os fãs do Justiceiro podem comemorar. Garth Ennis está de volta e traz consigo Steve Dillon, seu parceiro no crime em trabalhos famosos como a série Preacher, Hellblazer e, inclusive, no próprio Justiceiro.

A dupla fará a minissérie semanal Punisher: War Zone, em seis edições, com lançamento programado para dezembro, para coincidir com o novo filme do personagem.

A história também marca o retorno da chefona da máfia Mama Gnucci, criada por Ennis e Dillon na revista do Justiceiro do antigo selo Marvel Knights. A minissérie que apresentou a personagem foi reunida no encadernado Bem-Vindo de Volta, Frank, publicado recentemente no Brasil pela Panini Comics.

A matriarca da família Gnucci já passou por maus bocados nas mãos de Frank Castle – perdeu os braços, foi servida como jantar para um urso polar, jogada dentro de uma casa em chamas. Como é de se esperar, a senhora tem sede de vingança, mas Ennis não quis adiantar os detalhes. “Vocês terão que ler a história. Não posso falar dos planos de Mama ou o que acontecerá com ela, sem entregar uma parte importante da trama”.

Na minissérie, Frank descobre que um ramo italiano da família Gnucci está a caminho de Nova Iorque, em busca de vingança pelo que ele fez com Mama. Em seguida, ele descobre que a própria mafiosa está tramando seu retorno. “Também veremos a volta de Elite, um dos pretensos vigilantes que atuava na época da história original e de Molly Von Richtofen, sofrida detetive da polícia de Nova Iorque que é provavelmente a única pessoa sã nesta história inteira”, revela Ennis.

A lenda do herói azul

Kevin Grevioux
, o cineasta responsável pela franquia cinematográfica Anjos da Noite, também é o roteirista por trás da revista mensal dos Novos Guerreiros na Marvel. Seu trabalho se estende por outras editoras, como o recém-lançado ZMD: Zombies of Mass Destruction, pela Red 5 Comics e o ainda vindouro especial com o encontro do Fantasma com Mandrake, pela Moonstone.

Agora, Grevioux anunciou uma nova minissérie pela Marvel, Adam: Legend of the Blue Marvel. A mini terá seis edições, arte de Mat Broome e estréia em novembro.

O Blue Marvel de Grevioux é um personagem novo, porém sua história começa entre o final da década de 50 e o começo dos anos 60. Na concepção do roteirista, o personagem foi um dos mais populares heróis da época, por um período de três ou quatro anos.

Ele usava um uniforme que cobria seu corpo inteiro, assim ninguém sabia como ele era. Mas, quando descobrem que, na verdade, ele era negro, o Presidente John F. Kennedy pede ao herói que se aposente”. Há um motivo para o pedido de Kennedy. Na época, o presidente lutava para aprovar o Ato de Direitos Civis, que baniu a segregação racial nos Estados Unidos. Em uma época em que o racismo ainda era a regra, se a população soubesse que Blue Marvel, um ser de enorme poder, era na verdade um negro, Kennedy jamais conseguiria aprovar a lei. Sabendo da importância deste motivo, o Blue Marvel atende ao pedido e sai de cena.

Os anos se passam e eis que surge um vilão superpoderoso que nem os Vingadores conseguem deter. Começa então a busca por Blue Marvel, o único que já derrotou este vilão anteriormente.

Grevioux tem o personagem na cabeça desde que era criança. “Ele não é um herói dos negros, mas sim um herói de todos”, explica o escritor. “Ele não consegue ver um fim para a opressão dos negros e sente que algo precisa ser feito. Mas se ele o fizer, imediatamente se tornará objeto de receio. E a idéia de deixar as pessoas com medo, achando que ele tomará medidas violentas contra a opressão, por causa da cor da sua pele, é um pensamento terrível para ele. Este conflito interno é bastante divertido de se explorar”.

Rostos conhecidos do Universo Marvel participarão da história. “Os leitores verão os Vingadores, Reed Richards, Hank Pym e Namor, com quem Blue Marvel possui um relacionamento único”, encerra Grevioux.

A volta de Manto e Adaga

Valerie D´Orazio
não é muito conhecida no Brasil, mas nos EUA, ela adquiriu certa reputação narrando as aventuras de sua super-heroína em seu blog. Recentemente, Valerie propôs à Marvel uma minissérie protagonizada por ninguém menos que Manto e Adaga, dois personagens queridos dos fãs que andavam um tanto sumidos das HQs da editora – suas últimas aparições de destaque foram na revista dos Fugitivos e na minissérie Guerra Civil.

Proposta aceita, os fãs podem comemorar. A intenção da autora é levar a relação de Tyrone e Tandy ao próximo passo. “Eles tiveram esse longo, complicado e co-dependente relacionamento que nunca foi resolvido. Depois de ler todo o material de Manto e Adaga, senti que essa situação implorava por ser explorada – como se os personagens e seu romance estivessem em suspenso”, diz Valerie.

Detalhes como datas e equipe criativa serão dados em breve.

Stephen King chega aos celulares

Seguindo a moda lançada por Robert Kirkman em Invencível (leia aqui) e seguida pela Warner Bros. (leia aqui), a Marvel também pretende lançar revistas em quadrinhos para celulares.

A primeira HQ da iniciativa é nada menos que uma adaptação de um conto inédito de Stephen King, baseado em uma das histórias que estará na coletânea Just After Sunset, ainda a ser publicada.

A HQ é dividida em 25 partes com cerca de dois minutos cada, disponíveis para download via iTunes ou Amazon, ao preço de US$ 3.99 por todos os capítulos. Um preview está disponível nos sites www.NisHere.com ou www.simonsays.com. A partir de hoje, novos episódios serão lançados de segunda a sexta-feira, encerrando dia 29 de agosto.

A história, intitulada N., fala sobre um psiquiatra que adquire a mesma obsessão misteriosa e mortal de um paciente seu. Os episódios serão ilustrados por Alex Maleev e coloridos por José Villarrubia. A adaptação para os quadrinhos fica por conta de Marc Guggenheim. Cada capítulo será apresentado no formato de uma história em quadrinhos, com trilha sonora, animação e dublagem feita por uma equipe de atores que inclui Ben Shenkman.

David Mack leva Philip K. Dick aos quadrinhos

Um conto do renomado autor de ficção científica Philip K. Dick será adaptado para os quadrinhos. The Eletric Ant, publicado originalmente em 1969, será quadrinizado por David Mack, junto com o desenhista Pascal Alixe e com o veterano Paul Pope criando capas.

Na história de K. Dick, um homem acorda após um acidente de carro e descobre que é uma “formiga elétrica” – um robô orgânico. A realidade tal qual ele a conhecia é fruto de um microchip implantado em seu peito. Ele começa então a fazer experiências com o artefato, alterando assim sua realidade.

A história serviu de inspiração, entre outros, para Frank Miller em sua obra Hard Boiled: À Queima-Roupa.

Mais clássicos ilustrados

Em novembro, mais um romance de Robert Louis Stevenson ganha sua versão em quadrinhos na linha Marvel Illustrated (a linha que adaptou também A Ilha do Tesouro e trabalhos de outros autores).

O romance escolhido desta vez é As Aventuras de David Balfour (também traduzido como Raptado) e sua adaptação está aos cuidados do veterano Roy Thomas. A arte será de Mario Gully. A obra foi publicada originalmente em 1886.

A história segue David Balfour e Alan Breck (este baseado em uma pessoa real). David é um jovem inglês que se descobre herdeiro de uma fortuna, mas é ludibriado pelo tio e forçado a embarcar em um navio. É a bordo que ele conhece o francês Alan Breck Stewart. Apesar da guerra entre os dois países, David e Alan se tornam amigos.

E demais novidades

O editor-chefe da Marvel, Joe Quesada, revelou dois novos artistas exclusivos da editora. Tratam-se de Danny Miki e Khoi Pham. O desenhista Paolo Rivera também renovou seu contrato com a editora.

O Hulk vermelho irá enfrentar em breve o Hulk verde em uma batalha surpreendente. Os dois personagens irão coexistir, segundo o roteirista Jeph Loeb. Na revista do personagem, Frank Cho irá desenhar o Hulk juntamente com Arthur Adams, cada um com metade da tarefa – metade verde, metade vermelha.

Uma seqüência para Genext, criação de Chris Claremont, foi aprovada, porém não deram mais detalhes.

O gerente de vendas da editora, Jim McCann, brincou dizendo que, caso Marvel Apes faça sucesso, os macacos enfrentarão os zumbis em uma futura história Marvel Apes vs. Marvel Zombies.

Sobre a situação de Peter Parker e Mary Jane, Quesada declarou que os dois poderão voltar a sair juntos, mas não voltarão a ser casados.

Respostas sobre o destino da mutante Kitty Pryde serão dadas em Uncanny X-Men #504. As respostas sobre um possível retorno de Jean Grey, entretanto, foram reticentes. O editor Nick Lowe brincou dizendo que irão trazê-la de volta como um rapaz adolescente. Warlock provavelmente irá aparecer em breve, e novidades sobre Cifra serão mostradas em Young X-Men #5.

Questionado sobre possíveis planos para o vilão Mojo, o roteirista Matt Fraction rebateu perguntando: “E que tal Espiral? Chegaremos lá”.

A disparidade atual do Anjo, que é mostrado com asas normais em Uncanny X-Men e com asas metálicas em X-Force, será resolvida em breve.

A Marvel Comics é uma das principais editoras de quadrinhos nos EUA, com personagens como Homem-Aranha, X-Men, Quarteto Fantástico, Hulk, Capitão América, Homem de Ferro, Thor e Demolidor. A empresa foi fundada em 1939 como Timely Publications e era conhecida como Atlas Comics na década de 1950. O lançamento do Quarteto Fantástico por Stan Lee e Jack Kirby e outros personagens no início da década de 1960 foi um marco importante para o sucesso que continua até hoje.



  facebook

 

 



Adam: The Legend of the Blue Marvel
 
Punisher: War Zone
 
The Eletric Ant
Manto e Adaga

Tags : Atenção! Esta notícia contém spoilers de histórias ainda não publicadas no Brasil., Marvel Comics, San Diego Comic Con, Garth Ennis de volta ao Justiceiro, Justiceiro, Garth Ennis, Steve Dillon, Preacher, Hellblazer, Punisher: War Zone, Mama Gnucci, Marvel Knights, Bem-Vindo de Volta, Frank, Panini Comics, Elite, Molly Von Richtofen, A lenda do herói azulKevin Grevioux, Anjos da Noite, Novos Guerreiros, ZMD: Zombies of Mass Destruction, Red 5 Comics, Fantasma, Mandrake, Moonstone, Adam: Legend of the Blue Marvel, Mat Broome, John F. Kennedy, Vingadores, Reed Richards, Hank Pym, Namor, A volta de Manto e AdagaValerie D´Orazio, Fugitivos, Guerra Civil, Stephen King chega aos celulares, Robert Kirkman, Invencível, Warner Bros., Stephen King, Just After Sunset, iTunes, Amazon, N., Alex Maleev, José Villarrubia, Marc Guggenheim, Ben Shenkman, David Mack leva Philip K. Dick aos quadrinhos, The Eletric Ant, Pascal Alixe, Paul Pope, Frank Miller, Hard Boiled: À Queima-Roupa, Mais clássicos ilustrados, Robert Louis Stevenson, Marvel Illustrated, A Ilha do Tesouro, As Aventuras de David Balfour, Raptado, Roy Thomas, Mario Gully, Alan Breck, E demais novidades, Joe Quesada, Danny Miki, Khoi Pham, Paolo Rivera, Hulk




 

Seções
HQ Maniacs
Redes Sociais
HQ Maniacs - Todas as marcas e denominações comerciais apresentadas neste site são registradas e/ou de propriedade de seus respectivos titulares e estão sendo usadas somente para divulgação. :: HQ Maniacs - fundado em 19.08.2001 :: Brasil