HQ NO BRASIL
 
  
 
29/11/2011

Rex Mundi, Níquel Náusea e novidades da Devir

A Devir Livraria está colocando várias novidades nas livrarias e comic shops. Além do quarto volume de Rex Mundi e do décimo-primeiro de Níquel Náusea, traz também outros três lançamentos de autores nacionais. Confira as sinopses e as capas:

Rex Mundi: A Coroa e a Espada - por Arvid Nelson e ilustrada por Juan Ferreyra
Nos anos 1930, em uma França ainda sob o controle da Igreja medieval, sociedades secretas poderosas ligadas ao Santo Graal provocaram uma guerra que ameaça engolir o mundo inteiro. O Dr. Julien Saunière continua sua busca pelo segredo do Graal, enquanto é seguido e vigiado pelos agentes brutais da Santa Inquisição e o igualmente impiedoso Duque de Lorraine. Ele desvenda a terrível conexão entre o Graal e o crescente conflito, mas com a nova descoberta surgem novos perigos. Saunière segue em frente imprudentemente, sem saber que sua namorada Genevieve está espionando-o a mando de Lorraine e protegendo-o ao mesmo tempo. Mais cedo ou mais tarde, ela terá que se decidir entre os dois. As tramas atingem um ponto crítico em Rex Mundi: A Coroa e a Espada, o quarto volume desta saga sobre política e magia.
Formato 16,5 x 24 cm, 192 páginas em cores, R$ 42,00.

Oeste Vermelho - de Magno Costa e Marcelo Costa
Pense em uma típica cidade pequena do Velho Oeste americano povoada por fazendeiros e ameaçada por bandidos assassinos. Seria uma história comum, se não fosse a ambientação do mundo dos desenhos animados de gatos e ratos. Oeste Vermelho é inspirado nos filmes de Sergio Leone e John Ford, estrelados pelos astros Clint Eastwood e John Wayne. Esta é uma jornada de perdas, redenção e, mais do que tudo, vingança. É sangue por sangue!
Formato 20,5 x 20,5 cm, 88 páginas em cores, R$ 34,50.

Níquel Náusea: Cadê o Ratinho do Titio? - de Fernando Gonsales
Seja bem-vindo à mais nova coletânea de tiras do rato Níquel Náusea e seus amigos inusitados, como a Gatinha, uma a rata que o Níquel acha uma gata e que tem um talento excepcional para produzir filhotes; o Rato Ruter, um rato mutante que tem o peso de um gato gordo, a capacidade digestiva de um tanque de ácido sulfúrico e o temperamento de uma moto-serra desgovernada; o Sábio do Buraco, um ancião dos roedores que alterna momentos de profunda sabedoria com momentos de pura esclerose (difícil é descobrir qual é qual); a barata Fliti, que está sempre “trançando” as pernas e é doida por uma dose de Baratox; e tantos outros personagens capazes de provocar risadas no mais mal-humorado dos seres. Níquel Náusea: Cadê o Ratinho do Titio? é 11º livro do personagem pela Devir, com mais de duzentas tiras coloridas do rato Níquel Náusea e seus divertidos amigos!
Formato 21 x 28 cm, 48 páginas em cores, R$ 24,00.

Vermelho, Vivo - de Cristina Judar e Bruno Auriema
Uma pessoa aparentemente normal, que tem revelados seus ímpetos mais íntimos ao visualizar um simples objeto numa vitrine. Assim começa a história de Clara, uma mulher contemporânea, que trabalha numa agência bancária de uma grande cidade. No entanto, o desenrolar desta história fará com que a personagem passe por situações difíceis e que terão de ser resolvidas de maneiras inusitadas… Com doses de humor, ironia e sarcasmo, Vermelho, Vivo aborda alguns dos preconceitos e tabus que aprisionam mulheres e homens na nossa sociedade através de uma personagem principal polêmica e ousada, que não tem medo de tomar atitudes surpreendentes e de expressar seus desejos reprimidos com coragem e determinação. Escrita por Cristina Judar e ilustrada por Bruno Auriema, Vermelho, Vivo mostra que um dia aparentemente normal de qualquer pessoa pode nos levar a tomar decisões drásticas que mudarão nossas vidas.
Formato 16,5 x 24 cm, 48 páginas em cores, R$ 18,50, lançamento já disponível.

Kerouac, - de João Pinheiro
O livro Kerouac narra a vida do escritor americano Jack Kerouac, um dos fundadores, junto a Allen Ginsberg e William Burroughs, do movimento artístico que ficou mundialmente conhecido como “Geração Beat”.Em meados dos anos 1950, este movimento era composto por jovens intelectuais americanos que, cansados da monotonia da vida ordenada e da idolatria à vida suburbana na América do pós-guerra, resolveram criar sua própria revolução cultural através da literatura. Por meio de uma narrativa veloz, João Pinheiro aborda os acontecimentos mais marcantes da vida de Jack, revê sua trajetória literária, suas conquistas, decepções, paixões, contradições, influências estéticas e sua relação com os Estados Unidos de sua época. Da mesma forma que para Jack e os beats não havia fronteira entre a literatura e a vida, os fatos desta narrativa se entrelaçam novamente com a vida, só que agora em quadrinhos.
Formato 16,5 x 24 cm, 112 páginas em preto e branco, R$ 25,00, lançamento já disponível.

A Devir iniciou suas atividades em 1987. A princípio, era apenas uma importadora e distribuidora de revistas, livros e material de RPG, posteriormente transformando-se em editora. Além de quadrinhos de autores brasileiros como Laerte, Angeli, Adão Iturrusgarai e Lourenço Mutarelli, entre outros, a Devir publica títulos estrangeiros como Sin City, As Tartarugas Ninja, 300 de Esparta e Lost Girls.

Veja mais sobre a Devir Livraria



  facebook

 

 



Rex Mundi: A Coroa e a Espada
 
Oeste Vermelho
 
Vermelho, Vivo
Kerouac,
Níquel Náusea: Cadê o Ratinho do Titio?


 

Seções
HQ Maniacs
Redes Sociais
HQ Maniacs - Todas as marcas e denominações comerciais apresentadas neste site são registradas e/ou de propriedade de seus respectivos titulares e estão sendo usadas somente para divulgação. :: HQ Maniacs - fundado em 19.08.2001 :: Brasil